TRANSLATE (TRADUÇÃO)

pesquisa

terça-feira, 9 de fevereiro de 2016

CARNAVAL: A FESTA ONDE O PRECONCEITO É VELADO

O Carnaval brasileiro sempre foi conhecido no mundo como a festa das belas mulheres com a bunda de fora, o carnaval não é uma organização que sabe lucrar e manter-se ativa livre de dívidas, algumas chegam a dever milhões, a maioria das mulheres paga pra fazer todo seu vestuário e até patrocínio do tráfico o carnaval já recebeu, neste ano de 2016 uma coisa oculta foi revelado graças as redes sociais, pois se fossem somente as imagens da rede Globo veríamos sempre uma festa do bem, mas o que chamou mais atenção neste carnaval foi o preconceito que até então era velado no carnaval para não prejudicar a imagem do Brasil lá fora. O principal preconceito revelado neste carnaval foi o "machismo" além de outros como racismo etc. primeiro começou com uma mulher denominada de Juliana Isen apelidada de musa do impeachment com aquela teoria machista feminística que a mostrando o peito e vagina vai controlar os homens e foi o que ela fez tirou a roupa no desfile da escola de samba mesmo tendo sido impedida de entrar, o problema é que mulheres peladas só são permitidas se elas forem alguém que representa a agremiação, já protesto popular sem o regulamento prévio das escolas não é permitido o que pode causar a perda de pontos da escola de samba Peruche ou até mesmo a eliminação da escola, mas as cagadas do carnaval não par por aí, as mulheres acham que no carnaval pode tudo para agradar os homens, os tais ditos garanhões brasileiros, mas o que elas acabaram descobrindo foi o "machismo" enraizado na cultura brasileiro, uma pesquisa do Instituto Data Popular constatou isto, na pesquisa os garanhões brasileiros revelaram o que pensam das mulheres brasileiras vejam os detalhes abaixo.

Peladona do Impeachment expulsa pelos machistas


(captado em: F5 FOLHA de S.PAULO)

70% dos homens acham que as mulheres se sentem felizes quando ouvem um assobio;

61% dos homens abordados afirmaram que uma mulher solteira que vai pular carnaval não pode reclamar de ser cantada;

59% acham que as mulheres ficam felizes quando ouvem uma cantada na rua;

56% consideram que mulheres que usam aplicativos de relacionamento não querem nada sério;

49% disseram que bloco de carnaval não é lugar para mulher “direita”;

49% acreditam que as mulheres gostam quando são chamadas de gostosa.

Outra perola do carnaval é um bloco de afoxé (candomblé de rua,)  que se chama "Filhos de Gandhy" nas regras deste bloco não se permite a entrada das mulheres como folionas, porém elas são usadas para as atividades de mão de obra com os afazeres das peças. Ou seja, a parte da festa fica com os homens já a parte escravista fica com as mulheres.

Bloco "Filhos de Gandhy"

Filhos de Gandhy
(captado em wikipédia)







Nenhum comentário:

CURTA NOSSA PÁGINA

MARCADORES (TAGS)

12.527/2011 (1) 15 dia outubro (1) 2015 (3) 2016 (14) abril (7) acessos (1) ACSP (1) aeronave (1) água branca (1) animação (1) animais (1) aniversário (1) ano (1) ano bisssexto (1) ao vivo (1) asneira (1) ator (1) BA (2) Bahia (2) baixaria (1) BAND (4) biologia (1) Borracha (ciclista) (1) brasil (12) brasileiro (2) burrice (1) burro (1) caixa econômica federal (1) câmara dos deputados (6) Camila Farani (2) Camila Paola Mosquella (1) canal (3) canal futura (1) cantor (2) carga horaria (1) Carlos Wizard (2) carnaval (1) ciclista (1) cientistas (1) cientistas brasileiros (1) comercial (1) computador (1) CONCACAF (1) concurso Nº 1763 (1) congresso (2) CONMEBOL (1) contadores (1) copa 2014 (4) copa america (1) copa america centenario (1) corrupção (2) cotidiano (1) Cris Arcangeli (2) dário meira (1) data (1) datilografia (1) decolagem (1) Deputada Federal (3) deputado federal (2) deputados (5) dia (2) dicas (1) dilma (6) direitos humanos (1) ditadura (1) ditadura militar (1) documentário (1) Dorivaldo Correia de Abreu (1) eduardo cunha (1) empresario (1) escândalo (1) escravidão (1) escravo (1) esporte (2) estatisticas (2) facebook (2) Federação Nacional dos Jornalistas (1) feminina (1) FENAJ (1) fifa (5) flight (1) friboi (2) furtune (1) futebol (4) futura (1) Gaustão (1) GIF (1) globeleza (1) Globo (1) google (3) hitler (1) hoax (1) homenagem (4) IMP (1) impeachment (10) imposto (1) impostometro (1) imprensa (1) internacional (1) jair bolsonaro (1) jbs (2) jerbialdo (11) João Apolinário (2) joão doria (1) joaquim barbosa (1) Joesley (1) Joesley Batista (1) jornalista (2) José de Abreu (1) judiciario (1) juiz (1) justiça (2) lava jato (1) Lei de Acesso à informação (LAI) (1) Lei Maria da Penha (1) Lei Nº 11.340/2006 (1) Lei Nº 8.313/1991 (1) Lei Rouanet (1) literatura (1) lojas online (1) loteria (1) Lula (2) Lulinha (1) machismo (1) manifestação (1) março (1) Maria da Penha (1) masculina (1) master chef (1) master chef junior (1) medida de tempo (1) mega-sena (1) memes (1) mensalão (1) mês (1) Montes Claros (MG) (1) movimento (1) mulher (1) município (1) naiara justino (1) OEA (1) olimpíadas (1) painéis (1) países (1) partido (1) Partido dos Trabalhadores (1) Paulo Pimenta (PT) (1) platão (1) plenario (1) poesia (1) polícia federal (1) politica (3) pouso (1) preconceito (1) prefeito (1) prêmio top blog (1) prêmio top blog 2015 (1) presidente (2) procon (1) produtora (1) professor (1) programa (3) PT (1) Rachel Sheherazade (1) radar (1) ranking (1) Raquel Muniz (PSD) (1) reality (2) reality show (2) Relógios da Violência (1) Rio 2016 (2) Rio de Janeiro (1) RJ (1) Robinson Shiba (2) Ruy Muniz (PSD) (1) SBT (2) seleção (1) senado (3) senadores (2) sergio moro (1) Shark Tank Brasil (2) Sindicato de Jornalistas do RJ (1) site (1) sociedade (1) Sony (2) Sorocaba (2) stf (2) televisão (2) Ticiana Villas Boas (1) tocha olímpica (1) top blog (1) trabalho (1) traidores (1) tributos (1) trombadinha (1) tutoriais (1) tv (1) um cientista uma história (1) vaquinha (1) vem pra rua (1) video (2) violência (1) Vitória da Conquista-BA (1) Vladimir Herzog (1) Zé do Cuspe (1)