TRANSLATE (TRADUÇÃO)

pesquisa

terça-feira, 7 de janeiro de 2014

TRABALHO OU ESCRAVIDÃO?

Fique informado: inscreva seu e-mail na caixa abaixo e clique em: Subscribe

Enter your email address:


Delivered by FeedBurner

Trabalho ou escravidão disfarçada de sucesso? Quando se ver uma pessoa rica logo se pensa, "esta pessoas é rica porque trabalhou muito" certo? errado primeiro nem todo pessoa rica trabalhou muito algumas nascem milionárias e morrem sem dar um prego no mamão (ditado popular que significa preguiçoso, não fazer nada) e outra coisa importante é as pessoas ricas geralmente ficaram ricas usando mais o cabeça (o cérebro, raciocínio) do que o físico e alguns usaram nada do da força físico e somente um pouquinho de raciocínio como: Bill Gates (Microsoft) Mark Zuckenberg (facebook) e Steve Jobs (Apple) digo um pouquinho do racíocinio porque eles são empreendedores e não gênios da ciência, alguns outros usaram bastante o cérebro como: Einstein, Heisenberg, Santos Dumont etc usaram muito mais o raciocínio do que qualquer mortal ainda vivo e morrem pobres pelo que se sabe o a maior quantia que Einstein recebeu me dinheiro foi o prêmio Nobel mas ele deu para sua mulher como pagamento do divórcio ficar rico hoje em dia tem relação com exploração de trabalho e mão de obra do que com genialidade ou levantar cedo para trabalhar, pois se carga horário fosse sinônimo de riqueza os chineses seriam 3 vezes mais ricos do americanos, claro que se a pessoa nascer pobre ela ter de correr atrás, ir a luta, batalhar mas sem exageros pois de nada adianta adquirir 1 milhão e falecer no dia seguinte quem vai usufruir vai ser seu genro ou nora. Mas não vejo pessoas já tão bem sucedidas  se sacrificando como escravos do século XVIII claro que esse rico não leva chibatadas mas o stresse e o saturamento também mata mesmo que aos poucos. Nesta postagem aqui cito algumas pessoas já bem sucedidas e outras começando o caminho da fama mas que parecem escravos de se próprio. João Dória, apresentador e empresário milionário se disse em uma entrevista na revista veja trabalhar dezessete horas por dia (mais do que a média oriental como na China geralmente de 14 horas) e também A Globeleza 2014 Naiara Justino que foi obrigado a ficar 19 horas para se pintar para a vinheta do carnaval e segundo ela mesma desa 19 horas só sentou 2 horas em nome de uma cultura ridícula de um país onde se diz lutar pelos direitos da mulher mas que não passa de um país da indústria porno disfarçado de trabalho profissional além de outras humilhações em que os parasitas de hospedeiros chamadas reality show aceita passar por humilhações em rede nacional para ficarem ricos em 3 meses. Será pelo fato de ela ser negra foi obrigada a passar essa humilhação (é claro que se perguntar a ela vai dizer que é um prazer) mas se fosse uma branquinha seria obrigada a ficar 19 horas como oferenda da emissora?

Naiara Justino (Globeleza 2014)


Trecho da entrevista de João Dória na revista veja em 2007 onde afirma trabalhar 17 horas por dia.



Mais sobre Jerbialdo


COMPARTILHE

Nenhum comentário:

CURTA NOSSA PÁGINA

MARCADORES (TAGS)

12.527/2011 (1) 15 dia outubro (1) 2015 (3) 2016 (14) abril (7) acessos (1) ACSP (1) aeronave (1) água branca (1) animação (1) animais (1) aniversário (1) ano (1) ano bisssexto (1) ao vivo (1) asneira (1) ator (1) BA (2) Bahia (2) baixaria (1) BAND (4) biologia (1) Borracha (ciclista) (1) brasil (12) brasileiro (2) burrice (1) burro (1) caixa econômica federal (1) câmara dos deputados (6) Camila Farani (2) Camila Paola Mosquella (1) canal (3) canal futura (1) cantor (2) carga horaria (1) Carlos Wizard (2) carnaval (1) ciclista (1) cientistas (1) cientistas brasileiros (1) comercial (1) computador (1) CONCACAF (1) concurso Nº 1763 (1) congresso (2) CONMEBOL (1) contadores (1) copa 2014 (4) copa america (1) copa america centenario (1) corrupção (2) cotidiano (1) Cris Arcangeli (2) dário meira (1) data (1) datilografia (1) decolagem (1) Deputada Federal (3) deputado federal (2) deputados (5) dia (2) dicas (1) dilma (6) direitos humanos (1) ditadura (1) ditadura militar (1) documentário (1) Dorivaldo Correia de Abreu (1) eduardo cunha (1) empresario (1) escândalo (1) escravidão (1) escravo (1) esporte (2) estatisticas (2) facebook (2) Federação Nacional dos Jornalistas (1) feminina (1) FENAJ (1) fifa (5) flight (1) friboi (2) furtune (1) futebol (4) futura (1) Gaustão (1) GIF (1) globeleza (1) Globo (1) google (3) hitler (1) hoax (1) homenagem (4) IMP (1) impeachment (10) imposto (1) impostometro (1) imprensa (1) internacional (1) jair bolsonaro (1) jbs (2) jerbialdo (11) João Apolinário (2) joão doria (1) joaquim barbosa (1) Joesley (1) Joesley Batista (1) jornalista (2) José de Abreu (1) judiciario (1) juiz (1) justiça (2) lava jato (1) Lei de Acesso à informação (LAI) (1) Lei Maria da Penha (1) Lei Nº 11.340/2006 (1) Lei Nº 8.313/1991 (1) Lei Rouanet (1) literatura (1) lojas online (1) loteria (1) Lula (2) Lulinha (1) machismo (1) manifestação (1) março (1) Maria da Penha (1) masculina (1) master chef (1) master chef junior (1) medida de tempo (1) mega-sena (1) memes (1) mensalão (1) mês (1) Montes Claros (MG) (1) movimento (1) mulher (1) município (1) naiara justino (1) OEA (1) olimpíadas (1) painéis (1) países (1) partido (1) Partido dos Trabalhadores (1) Paulo Pimenta (PT) (1) platão (1) plenario (1) poesia (1) polícia federal (1) politica (3) pouso (1) preconceito (1) prefeito (1) prêmio top blog (1) prêmio top blog 2015 (1) presidente (2) procon (1) produtora (1) professor (1) programa (3) PT (1) Rachel Sheherazade (1) radar (1) ranking (1) Raquel Muniz (PSD) (1) reality (2) reality show (2) Relógios da Violência (1) Rio 2016 (2) Rio de Janeiro (1) RJ (1) Robinson Shiba (2) Ruy Muniz (PSD) (1) SBT (2) seleção (1) senado (3) senadores (2) sergio moro (1) Shark Tank Brasil (2) Sindicato de Jornalistas do RJ (1) site (1) sociedade (1) Sony (2) Sorocaba (2) stf (2) televisão (2) Ticiana Villas Boas (1) tocha olímpica (1) top blog (1) trabalho (1) traidores (1) tributos (1) trombadinha (1) tutoriais (1) tv (1) um cientista uma história (1) vaquinha (1) vem pra rua (1) video (2) violência (1) Vitória da Conquista-BA (1) Vladimir Herzog (1) Zé do Cuspe (1)